Workshop QO-100. Lisboa, 8 de fevereiro!

Caros colegas

O workshop relativo à construção de uma estação para o QO-100 (NB) será realizado no Sábado, 8 de fevereiro, na área de Lisboa.

O objectivo é que cada participante possa construir uma estação RX e TX durante o workshop.

Os colegas que desejam inscrever-se deverão fazê-lo no formulário que se encontra disponível em https://forms.gle/fuWLuv8Svw6Dx3xC8.

Chama-se a atenção que o IP de todos os inscritos ficará, também, registado.

O valor do workshop é de 12 euros por pessoa e engloba todos os materiais de apoio.

Vy 73

Registar QSOs SOTA no Log4OM e produzir o ficheiro CSV para upload automático….

Configuração SOTA

Convém criar uma configuração para o SOTA…

Faz-se – primeiro – um cópia da configuração existente  (indicativo, nome, etc.…

Assim, clica-se no símbolo indicado…


Abre-se a janela de definições e escolhe-se Clone Config

A página de definições fica aberta.

Substitui-se o nome pela designação da nova configuração…

Acrescenta-se o cume activado e demais detalhes…

Grava-se (ícone da disquete)…

Escolhe-se o perfil desejado para registar os QSOs (neste caso escolhi o perfil CT1DBS SOTA)…

Escolho a opção indicada (make active)

Grava-se (ícone da disquete)…

E sai-se do programa…

E volta a abrir-se o Log4om…

Registar QSOs SOTA

Registam-se os QSOs como normalmente.
Todos estes QSOs virão já com a indicação da nossa refª SOTA, com a potência indicada, etc.

Se se tratar de um QSO S2S

Regista-se o QSOs como normalmente.
No caso um S2S com o HB9BIN/p…

Antes de terminar a gravação do QSO, abre-se o separador Country IOTA SOTA (F2) e regista-se a referência do n/ correspondente.

No caso, a referência dele era HB/SZ-027…

Grava-se o QSO como normalmente, clicando em ADD.

Produzir os ficheiros para a base de dados SOTA

Abre-se o separador Utilities e escolhe-se Statistics and awards.

Abre uma janela (abaixo).

Nela escolhemos, sucessivamente os separadores AWARDS e SOTA

Abre a janela embebida SOTA Status.

Em Select award escolhe-se SOTA MIXED.

Clica-se no + (para escolher todos os países)

Em View type escolhe-se Activator

Introduz-se a data de inicio (do que queremos escolher) em Start date.

Clica-se em no  botão View

Aparecem as activações feitas a partir da data indicada (no caso 11-01-2020).

Em Export escolhe-se Current Data.

Aparecem os QSOs registados, referentes às activações indicadas.

Seleccionamos Export as Activator

Escolhe-se a directoria/pasta onde queremos gravar o ficheiro CSV para upload na base de dados SOTA e damos um nome ao ficheiro…

Feito!
Agora, na base de dados SOTA, faz-se upload do ficheiro, sendo assumidos os QSOs e os cumes SOTA  associados.


GL ES 73

Antena helix para o QO-100

Fiz já várias antenas helix para o QO-100, todas elas com um resultado positivo, sendo, obviamente, umas melhores e outras piores.

O custo da antena é muito baixo e podem ser utilizados diferentes materiais para cada componente.
A última que fiz utiliza uma frigideira, comprada numa loja chinesa, como reflector.
Tive ajuda da XYL e do meu amigo João Fragoso, CT7ABE.

Tanto pode ser usada apontada directamente ao satélite (polarização circular direita e “paletes” de espiras), como pode ser usada numa parábola (polarização circular esquerda).

Quem quiser mais informação, só tem que me contactar.

o João Fragoso, CT7ABE, segura a antena já acabada

Information de la treta !…

A França depositou na passada quarta-feira, 21/8, um documento sobre “informações” relativa à sua proposta para a reunião da CPG/CEPT (faixa dos 2m), que começa dia 26, em Ancara, que traduzi e está publicado mais abaixo.

Neste documento, a França parece dar um passo no sentido de “adoçar” a sua proposta.
Contudo, trata-se apenas de poeira para os olhos, dado que não altera uma vírgula da sua proposta e é, como diz o povo “um faz que anda mas não anda”…

Com efeito, a França diz – escuso-me de mais comentários… – que:
As novas e inovadoras aplicações/utilizações do serviço de amador não devem evitar estudos relativos à partilha da faixa;
As oportunidades efetivas de utilização da faixa pelo SMA e o mercado são, em última instância, determinados pelas condições regulatórias a serem estabelecidas;
Apenas uma combinação de partes destas faixas (144-146 e 162-174) seja capaz de cobrir a necessidade de espectro para o cenário de uma velocidade de transferência de dados variável [e respectiva adaptabilidade];
O estudo simplificado (IARU/EURAO) não inclui a segmentação de banda de 144-146 MHz por utilização e as taxas de ocupação associadas, incluindo a perspectiva de uso futuro;

Tradução do documento (CT1DBS/CU3HF):
CPG(19)137_F – AI10 – Non safety AMS-backgroud information

Portuguese amateur radio clubs united against 2 meter French reallocation proposal

On Saturday, 6th, 17 Portuguese amateur radio clubs – including IARU and EURAO representatives – came together in the city of Santarém to devise a common course of action in response to the recent proposal to reallocate the amateur 2 meter band to the Aeronautical service that, if not opposed soon, will be on the table at the WRC2023.

The meeting took place at the headquarters of ARR, the local amateur radio club, who provided the space for the meeting and, for those who couldn’t be present, teleconference equipment.

At the end of the conference, the group agreed on a common strategy to follow and elected a representative body of five elements that will hand deliver a written statement, signed by all club representatives, next Monday, the 15th, to ANACOM, Portugal´s telecommunications regulatory body.

Earlier in the week, the regulator responded to several radio clubs and individual amateur radio operators that had sent letters urging the opposition to the French proposal to reallocate the 2 meter band to the aeronautical service know as PTA(19)090R1.

ANACOM´s amateur radio head officer wrote back, saying that it “made a note” of the objections and that was inviting “external entities” to attend a preparatory meeting of the team representing Portugal in WRC2023, that will take place next Monday, the 15th, at ANACOM´s headquarters, in downtown Lisbon.

On a public note distributed on Sunday afternoon, the attending clubs made their intentions public, noting that all “vehemently repudiate” the French proposal and urged the Portuguese government to oppose PTA(19)090R1 “on all instances, both at CEPT and ITU”.

Yesterday, the 9th, the representative body announced that three more clubs officially joined the petition, make 20 the number of amateur radio clubs that are signing the document.

Morse Day! 27th April

The best way to celebrate Morse Day was to do some CW QSOs.

A friend asked to be helped to make his the first CW QSO.
He was successful and very very happy at the end of the QSO.

It seems that this is a true image of what was going on during the QSO…

Image stolen from a friend CT blog

My first CW QSO using QO-100

Using a setup for which I had made done some calculations, tonight I was testing the QO-100 (CW / 2.4 GHz on the uplink and 10.4 GHz on the downlink) when a German station (DL3GAK, Udo) called me.

Despite being with the helix antenna (home made) in the hand, outside the window (!!!!), the signal produced is more than enough to make QSOs.
My performance as an antenna rotor was poor because I produced a lot of QSB when I’m looking to other stuff…

Next step will be the production of more helix for the OMs of the Quinta do Lambert Amateur Radio Society*…
Just after that I will put up all antennas in the rooftop. That will take a litle longer because it will be necessary to attach all equipment in a watertight box.

I would like to thank the many OMs who had shared their knowledge, some of which are Portuguese.

TKS ! CU at QO-100!

A close view of the 19 turns homemade helix

* This Amateur Radio Society doesn’t exist but we are 3 OM that live really close by and we like to call ourselves that way…

Wow… A “software PLL” FOR RX QO-100!

G4ELI, Simon, just presented the world with the latest version of SDR-Radio (Release 3.0.7) which incorporate a very useful feature for those who desire to receive the QO-100.
It a PLL-like but made with software.

The software lock into the upper beacon (NB / BPSK) and compensates the drift of the LNB.
So, all those who have a PLL LNB without GPSDO or TCXO could use this important feature to listen accuratley the QSOs on the QO-100.

In my modest view, this a major breakthrough fore a lot of amateur radio operators!

BIG TKS Simon!

Latest version of SDR-Radio could be downloaded here:
https://www.sdr-radio.com/Software/Downloads

I’m not related with Simon’s work – I don’t even emailed him – but I think that we all should support him by donate some amount.
He deserve it!